O caso Bianca Toledo e Felipe Heiderich

O mundo está cada vez mais confuso e a cada dia mais e mais difícil de acreditar nas pessoas principalmente porque estamos rodeados de fake news o tempo todo nas redes sociais e outros tipos de mídia.


A pastora, escritora e conferencista evangélica Bianca Toledo tem sido alvo de críticas por conta do seu conturbado relacionamento com seus ex-maridos mas principalmente no seu relacionamento com Felipe Heiderich também pastor e escritor.


O caso se deu através de uma acusação por parte de Bianca Toledo ao seu ex-marido. Ela o indiciou por pedofilia, isto é, por ter abusado do seu filho do primeiro relacionamento. O caso veio à tona em um período muito conturbado para ambos mesmo porque isto foi um prato cheio para a mídia brasileira que não poupa esforços para ganhar milhares de visualizações nas redes sociais.


O falar manso e suave de Bianca Toledo confunde muita gente pois ela aparentemente transpassa uma serenidade quase mórbida ao falar olhando para a câmera do seu celular. A falta de micro expressão facial ao falar deixa os telespectadores com um grande ponto de interrogação no ar.


Não obstante, o jeito e as expressões faciais e os gestos do Pastor Felipe Heiderich, também muitas vezes, denunciam algumas coisas que mediante uma análise de um especialista, revela um pouco de sua personalidade bem como um pouco de mentirinha social .


O fato é que fica muito difícil saber quem está falando a verdade porém algo que é indiscutível na vida de um narcisista maligno é a sua trajetória. O seus rastros de destruição são notórios, seja em casamentos fracassados bem como dissolução de sociedades ou parcerias e amizades destruídas.


Entenda bem; Eu não estou aqui acusando a senhora Bianca Toledo mesmo porque eu sei dos riscos que isso possa acarretar à minha pessoa na justiça, porém os fatos falam por si só e não necessitam de explicação.


Uma das maiores armas dos narcisistas é a acusação, o ataque, a ofensa. Esta arma é muito usada por ser ela uma máscara que faz a tentativa de esconder o verdadeiro ofensor confundindo assim os espectadores do relacionamento.


É muito comum ouvir relatos de maridos promíscuos no qual dizem que são infiéis porque suas esposas não são sexualmente ativas. Eles realmente se apoiam nesta racionalização do erro para perpetuar suas aventuras seja com amantes ou prostitutas.


Da mesma forma esposas ou namoradas podem também simular uma possível agressão, abuso ou violência para incriminar o homem. Tanto um quanto o outro estão dentro de um escopo narcisista no qual a mira é a destruição do outro a qualquer custo.


Um dos maiores benefícios da internet, mais especificamente, o YouTube porque ele não nos deixa mais mentir sobre algo que dizemos ou declaramos em vídeo. Só nos resta admitir os erros, pedir desculpas e seguir em frente. O fato é que o malignos mesmo assim, nunca vão reconhecer os seus erros e vão inventar justificativas sobrepostas ao erro. Sendo assim será erro em cima de erro.


E você ? O que você acha do caso? Quem está falando a verdade?

Gostou deste artigo? Assista um vídeo meu no qual eu falo um pouquinho mais sobre esse assunto.




51 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo