Empatia em excesso pode arruinar sua vida

Atualizado: 18 de mar. de 2021




É muito importante entender que ser "empata" é muito diferente de ter empatia.


"Ser empata nem sempre está associado à empatia. Ter empatia é uma benção porém ser doente dela no escopo da codependencia narcisista é uma maldição".


Mas se você caiu de paraquedas neste texto e tem ouvido muito falar sobre este assunto (narcisismo), podemos esclarecer e jogar um pouco de luz para que você não se sinta uma pessoa perdida em meio ao tiroteio. Veja a seguir:


De acordo com o O Manual de Diagnóstico e Estatístico de Transtornos Mentais 5.ª edição ou DSM-5, o transtorno de personalidade narcisista possui 9 características fundamentais para o diagnóstico porém ele somente pode ser dado e constatado por um psiquiatra.

Nenhum psicólogo, psicanalista ou apresentador de televisão pode diagnosticar mesmo porque esta psicopatologia é digna de avaliação e diagnóstico médico.


Vejamos as características abaixo: 1. Tem uma sensação grandiosa da própria importância (p. ex., exagera conquistas e talentos,

espera ser reconhecido como superior sem que tenha as conquistas correspondentes).


2. É preocupado com fantasias de sucesso ilimitado, poder, brilho, beleza ou amor ideal.


3. Acredita ser “especial” e único e que pode ser somente compreendido por, ou associado a,

outras pessoas (ou instituições) especiais ou com condição elevada.


4. Demanda admiração excessiva.


5. Apresenta um sentimento de possuir direitos (i.e., expectativas irracionais de tratamento especialmente favorável ou que estejam automaticamente de acordo com as próprias expectativas).


6. É explorador em relações interpessoais (i.e., tira vantagem de outros para atingir os próprios fins).


7. Carece de empatia: reluta em reconhecer ou identificar-se com os sentimentos e as necessidades dos outros.


8. É frequentemente invejoso em relação aos outros ou acredita que os outros o invejam.


9. Demonstra comportamentos ou atitudes arrogantes e insolentes.


Apesar de que somente um médico pode diagnosticar, sabemos que um terapeuta pode avaliar. Sendo assim, qualquer pessoa com experiência no assunto pode entender e avaliar, para que se possa instruir as possíveis vítimas de pessoas com o transtorno.


Mas, e quanto à lista do DSM-5 ? Identificou alguém? Se identificou em pelo menos 5 deles? Caso isso tenha acontecido consigo mesmo, você precisa de ajuda psicológica e psiquiátrica.


Caso tenha identificado em alguém próximo do seu rol de amizades e ou família, fique atento, pois você vai começar a perceber certos padrões de comportamento muito frequentemente nas ações destas pessoas.


Por isso dizemos que, é necessário educar-se para entender como pessoas normais e cheias de empatias podem estar facilitando e alimentando ainda mais o transtorno.


Isso pode acontecer porque as pessoas com excesso de empatia são presas em potencial das pessoas com esse transtorno, simplesmente porque os narcisistas são desprovidos de senso de "Self", isto é, o Ego e o seu Superego (nomes estes usados por Sigmund Freud, para determinar o funcionamento do aparelho psíquico), foram deformados em alguma fase da vida onde o vazio existencial tomou conta e isto pode ter acontecido devido a maus tratos, abuso emocional, sexual ou outros tipos de violência, desencadeando uma busca por validação social.


Ficou confuso?

Vamos então simplificar isso tudo.

O indivíduo que sofre com o transtorno de personalidade narcisista não é um doido varrido. Entenda por quê.


Eles são pessoas que funcionam normalmente. Trabalham, estudam, sãos chefes de família, de empresas; atuam em órgãos do governo e chegam até mesmo a ocupar cargos executivos, presidindo países e grandes corporações.


Ok, mas se eles são totalmente funcionais, que mal eles podem fazer à sociedade? Esta é uma ótima pergunta, pois é exatamente por causa disso que a psiquiatria julgou não ser necessário o uso de medicamentos como tratamento.


A lista do DSM-5 é bem específica, mas não contempla as variantes que esse tipo de transtorno tem apresentado, pois a cada dia se descobre novas características, deixando a informação do DSM-5 defasada.


Vamos a alguns exemplos:


Narcisistas mentem!

E como mentem!


Mentem da maneira mais descarada possível para obter vantagem em tudo que podem.

E dentro de um relacionamento, muito mais!

A mentira faz parte da manipulação para que as vítimas sejam confundidas e não desconfiem dos seus planos.


Narcisistas traem!

E como traem!


Não espere que uma pessoa com este transtorno seja fiel ao seu cônjuge, namorado ou namorada. Não faz parte de seu repertório pois eles acreditam que por serem anjos na terra, eles tem o privilégio de terem mais do que um parceiro.

Mas não se engane, pois eles morrem de ciúmes se você o trair, não porque se sente traído mas porque se sentem ameaçados da perda de seu território: Você!


Narcisistas triangulam!

E como triangulam!


Se eles não podem atacar uma pessoa diretamente, eles vão usar meios pelos quais poderão atingir a terceira pessoa a fim de desestabilizar e minar as forças e o equilíbrio emocional deste indivíduo.


Narcisistas são desonestos !


Cuidado com o calote. Eles podem levar qualquer um à falência, pois o dinheiro e os bens materiais são meramente um produto para o uso do cumprimento da sua agenda e de seus planos diabólicos. Por exemplo:

Uma mãe narcisista é capaz de pedir "emprestado" o dinheiro que a filha guardou por anos para o tão um tão sonhado intercâmbio, apenas para sabotar os seus planos, por pura inveja. Esta filha certamente nunca terá o dinheiro de volta e quando indagar a mãe, esta dirá em um tom bem dissimulado:

- Mas eu precisei, para cuidar da minha saúde! Você não tem um pingo de piedade de sua mãe?


Narcisistas são invejosos!

E como são!


Cuidado, pois ao contar suas conquistas a um deles, você está correndo sério risco de ser atacado sutilmente a qualquer momento.

Eles morrem de inveja das conquistas de suas vítimas, porém eles disfarçam muito bem, dando a entender que ficaram felizes com sua conquista, quando na verdade a aproximação deles para com você é para sentir o gostinho da conquista.

Mas não se engane: Eles odeiam o seu sucesso!


Há muitas outras peculiaridades nas camadas do disfarce do transtorno de personalidade narcisista, mas vamos tratar disso mais vagarosamente, pois acredito que este texto pode ter ficado um pouco denso, principalmente pra você que chegou por aqui agora


Que tal saber um pouco mais sobre como a codependencia pode ser devastadora para a sua vida? Assista este vídeo. Mas não se esqueça de assinar o canal e contribuir para o projeto.


Muito obrigado






70 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo